Ex-presidiário é morto com um tiro de espingarda.

Um ex-presidiário foi assassinado com um tiro de espingarda na cabeça, por volta das 22h de quinta-feira (28), no bairro Doutor Fábio, em Cuiabá. Sebastião Lino do Amaral, 29, foi morto pelo proprietário de uma oficina mecânica. O motivo seria o fato da vítima estar tentando furtar baterias. Ele acabou sendo flagrado pelo dono que atirou. Sebastião ainda caminhou alguns metros antes de morrer. O proprietário da oficina do baixinho, I.A.S., fugiu.

Segundo moradores, Sebastião vivia praticamente nas ruas, e praticava pequenos furtos e era usuário de drogas. Ele também já tinha passagens por roubo, furto e homicídio. Outro que morreu em decorrência de disparo de arma de fogo foi Gumercindo Oliveira Silva, 24, que foi levado para o Pronto-Socorro de Cuiabá na madrugada de ontem mas não resistiu. Segundo o delegado Antônio Garcia de Matos, adjunto da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), a família não informou maiores detalhes, alegando apenas que ele foi vítima de disparo de arma de fogo, no Jardim Liberdade.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s