Wellington Fagundes cobra votação da PEC 300.

A onda de ataques que tem vitimado dezenas de pessoas na zona metropolitana do Rio de Janeiro acalorou um debate antigo na Câmara dos Deputados: a votação da PEC 300, um Projeto de Emenda Constitucional que prevê a criação de um piso único para os policiais civis, militares e corpo de bombeiros militar. Nesta quinta-feira, o deputado federal Wellington Fagundes esteve entre os parlamentares que subiram à tribuna para pedir agilidade na votação do projeto.

Wellington lembrou que a trajetória da PEC dentro da Casa é longa. Ressaltou que ela já foi muito debatida e votada em primeiro turno no plenário, por isso merece um desfecho. “Hoje estava estampado nos jornais que a equipe econômica disse que não terá como implantar a PEC 300 no próximo governo, mas eu acho que o Parlamento tem que fazer a sua parte. É importante nos debruçarmos nesta questão. E cabe ao Executivo mostrar depois as condições financeiras para atender ou não uma classe”, advertiu.

Além de mostrar apreensão com a questão da segurança pública – tema, inclusive, apontado em recente pesquisa realizada pelo Ibope como a terceira maior preocupação do brasileiro –, o deputado também cobrou maior atenção para o problema da infraestrutura aeroportuária.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s