A PF esta fazendo o seu papel.

O ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, declarou que qualquer tipo de abuso em operações policiais será punido. “Sempre que for constatada uma situação de abuso de poder, de ilegalidade, puniremos com rigor”, afirmou o ministro, em entrevista, reiterando que não foi avisado antecipadamente sobre a operação Voucher da Polícia Federal, que prendeu mais de 30 pessoas envolvidas em supostas irregularidades no Ministério do Turismo, na semana passada. Mais cedo, em seu discurso na cerimônia de posse do procurador Geral da República, Roberto Gurgel, a presidente Dilma Rousseff avisou que não admitirá “abusos, afrontas e excessos de qualquer natureza em operações policiais”…

Pressionada pela base aliada, a presidente Dilma Rousseff entrou em rota de colisão com setores do Ministério Público e da Polícia Federal ao criticar ontem os excessos da “faxina” que atingiu a cúpula do Ministério do Turismo, atingindo integrantes do PT e do PMDB. Em discurso breve, porém duro, a presidente afirmou que “o país é composto de cidadãos de bem, que abominam o crime e prezam a legalidade”. Acrescentou que o governo vai se dedicar a coibir os crimes onde eles ocorrerem. Ao mesmo tempo, Dilma avisou que fará tudo para coibir “abusos, excessos e afrontas à dignidade de qualquer cidadão que venha a ser investigado”…

E depois eles dizem que a lei é igual para todos.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s