Emanuel Pinheiro aposta em Programa “Anjo da Guarda”

O presidente da Comissão de Direitos Humanos, Cidadania e Amparo a Criança, ao Adolescente e ao Idoso, deputado Emanuel Pinheiro (PR), quer instituir em Mato Grosso Programa “Anjo da Guarda”, nas escolas estaduais.

Pinheiro explica que o projeto de lei já está em tramitação na Assembleia Legislativa e se aprovado vai ser desenvolvido e administrado pela Polícia Militar (PM), com caráter social, tendo como público alvo crianças e adolescentes do Ensino Fundamental e Médio, que fazem parte da Rede Pública Estadual de Ensino e entidades parceiras.

“A PM tem entre seus objetivos, zelar pelos direitos e bem estar dos cidadãos, visa com este projeto propiciar às crianças a oportunidade de refletir sobre a vida, suas atitudes, suas escolhas, possibilitando a troca de experiências pessoais e de relacionamentos, e que isso possa favorecer a convivência familiar, escolar e social”, apontou o deputado.

Segundo o parlamentar o objetivo é apresentar informações sobre temas que envolvam a vida individual, familiar e social das crianças e adolescentes, oferecendo-lhes oportunidade de reflexão, construção ou reconstrução de valores e adequação de comportamentos, auxiliando na formação de crianças conscientes e multiplicadoras.

O presidente salientou que o crescimento social interfere diretamente na qualidade de vida dos cidadãos. “Muitos dos valores necessários para o desenvolvimento integral às crianças são distorcidos, não só pelo fator econômico como também, e principalmente, pelas relações sociais desestruturadas que se iniciam na família”, salientou.

Diante disso, o deputado afirma que essas crianças apresentam comportamentos preocupantes como falta de interesse em se socializar, dificuldades de aprendizagem, agressividades, busca pela droga, entre outros.

Emanuel Pinheiro citou como exemplo positivo, o município de Birigui (SP), onde o projeto já é lei e alcança muitas crianças, trazendo reflexão e adequação de comportamentos das crianças atendidas, através do acesso a informação segura, visando melhorar o convívio familiar, prevenção às drogas e cidadania.

O presidente da comissão finalizou dizendo, “é preciso cuidar das crianças de hoje para não remediar os adultos de amanhã”.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s