Deputado Federal, Juliano Rabelo é contra prender policiais grevistas em Bangu I.

De Brasília – Vinícius Tavares

O deputado federal Cabo Juliano Rabelo (PSB/MT) criticou duramente a postura intransigente do Estado brasileiro no tratameno dado aos policiais e bombeiros militares que estão presos na penitenciária de segurança máxima de Bangu 1 devido à participação dos servidores nas greves na Bahia e no Rio de Janeiro.

O parlamentar denunciou o fato como abuso de autoridade por parte do governo fluminense e argumenta que a medida fere a Lei de Execuções Penais (LEP). “O artigo 102 da Lepo prevê que a cadeia pública é destinada aos presos provisórios. O artigo 187 determina que a penitenciária de segurança máxima, como é o caso de Bangu 1, destina-se a presos julgados com pena de reclusão transitada em julgado, o que não é o caso destes policiais”, declara.

Durante audiência pública na Câmara Federal, que contou com a presença das esposas dos policiais e bombeiros, nesta terça-feira (14), Rabelo apontou manobra do governo ao impedir que o advogado da defesa dos policiais mantivesse contato com os presos. Ele afirmou que haverá uma tentativa de sensibilizar o poder executivo e o judiciário para conceder habeas corpus aos policiais detidos.

Em uma espécie de desabafo diante das agruras da profissão, ele admitiu que policiais militares são proibidos de fazer greve, como está determinado no Regime Disciplinar da PM (RDPM), mas afirmou que a sociedade esquece que por trás da farda existe um cidadão e um pai de família. “Estão fazendo uma grande manobra com estes policiais.

Não se pode tratar o profissional de segurança como se fosse bandido. Que moral terá o policial ao abordar um bandido? O bandido poderá dizer que nunca esteve em Bangu 1. É inadimissível o que acontece com a Constituição brasileira.

Os policiais merecem respeito”, disparou

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s