1° Encontro da mulher policial militar de Mato Grosso é realizado em Cuiabá.

 

Jefferson Oliveira

Especial / PM-MT

A Polícia Militar, por meio da Coordenadoria de Polícia Comunitária e Direitos Humanos (CPCDH), em parceria com a Organização Não Governamental, Business Professional Women (BPW) que traduzida significa Mulheres de Negócios e Profissionais, realizou nesta terça-feira (30), o 1° Encontro da Mulher Policial Militar de Mato Grosso. O evento ocorreu no Hotel Fazenda Mato Grosso, das 08 às 17 horas. O encontro teve como finalidade, comemorar os 29 anos de inclusão da mulher na corporação, que se iniciou com o Decreto n°. 273 de 20 de Outubro de 1983.

O 1º encontro da mulher policial militar de Mato Grosso reuniu diversas autoridades militares e civis de Mato Grosso, e autoridades militares de outros estados. Entre as convidadas, estiveram, a secretária da Secretaria de Estado de Trabalho e Assistência Solcial, (SETAS) e 1ª dama do Estado, Roseli de Fátima Meira Barbosa, coronel da Polícia Militar de Minas Gerais, Luciene Magalhães Albuquerque, major da PMMG, Karla Morais, tenente PMPR, Luci Delão, capitã da Polícia Militar de São Paulo, Danielle Freitas, Soldados da Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro, Marta de Oliveira e Danielle Alexandere, e militares da PM de Goiás e Santa Catarina.

A solenidade teceu homenagem a pessoas que contribuíram com o ingresso e desenvolvimento da atividade da mulher na Polícia Militar. Foram homenageados os militares, coronéis da Polícia Militar de Rondônia, Benedito de Almeida Campos e José Silvério da Silva, tenente coronel da PMMT Zózima Dias dos Santos, cabo PMRR Ruth de Souza Dourado. Por alavancarem e contribuírem de forma direta no ingresso e apoio as mulheres na Polícia Militar, foram homenageados também, a  primeira dama do Estado Roseli de Fátima Meira Barbosa, secretária adjunta de Direitos Humanos, Vera Lucia Pereira Araujo,  coordenadora da Sala da Mulher da Assembleia Legislativa, Janete Riva, deputado estadual, José Riva, a primeira funcionária civil da Polícia Militar de Mato Grosso Maria Sebastiana Lopes, presidente da BPW Brasil Sueli Batista dos Santos e a sargento Antônia Macaúba da Costa, que recebeu homenagem post-mortem.

Durante a programação do evento, ocorreram diversas atividades, entre elas, um espaço de moda e beleza, dicas de maquiagem, corte de cabelo e penteados, massoterapia, estética e outras oficinas. Foram realizadas palestras com temas relacionados à mulher, A importância de vencer desafios na Polícia Militar, ministrada pela coronel da PMMG Luciene Magalhães de Albuquerque, A mulher na atualidade, realizada pela socióloga especialista em Direitos Humanos, Marli Antunes Pintel, A saúde da mulher policial militar, com o palestrante tenente coronel médico da PMMT Erleno Pereira de Aquino e A saúde das mamas, uma palestra realizada pelo órgão MT mamma.

O objetivo do encontro foi estimular a atuação dessas profissionais nas diversas modalidades de policiamento, elevar a autoestima, expressar seu extremo valor pela instituição e pela sociedade. O evento também visa criar circunstância adequada para dialogar sobre a condição da mulher policial militar na instituição PMMT, promover o fortalecimento da relação entre as mulheres e fomentar a realização do encontro anual em detrimento ao dia da mulher policial militar. Ocorreu durante o evento  a exposição “Mulher Policial Militar – Sua história em Mato Grosso”.

Para uma das organizadoras do encontro a Coordenadora de Polícia Comunitária e Direitos Humanos da PMMT, major Rosalina Gomes de Pinho, o evento obteve os objetivos alcançados. Ela agradeceu a presença das presentes e salientou que o evento foi um momento de extrema alegria e importância para a instituição. “Este momento é de muita felicidade, gostaria de agradecer a presença e colaboração de todas envolvidas, que este seja o primeiro de muitos encontros. Espero que possamos continuar sempre com essa garra, vontade e entusiasmo, para sempre fazermos o melhor, não só para nós mesmas, mas como para a sociedade em geral”, disse a major.

O evento se encerrou com um desfile demonstrativo dos fardamentos da Polícia Militar, e com as portas abertas e convite feito para o ano que vem no, 2º encontro da mulher policial militar de Mato Grosso.

Fonte: site da pmmt

Anúncios

CONCURSOS POLICIAIS ABERTOS NOS ESTADOS.


 

 

BAHIA
Prosseguem abertas as inscrições para o concurso da Polícia Militar da Bahia, para ingresso ao Curso de Formação de Soldados. Ao todo, são ofertadas 2.000 vagas, sendo 1.865 para Policiais Militares e 135 para Bombeiros Militares.
O prazo final de inscrição é o dia 05 de novembro de 2012 e estão sendo processadas pelo site da Fundação Carlos Chagas, ao custo de R$ 70,00.

GOIÁS
Foi publicado edital para o concurso da Polícia Militar de Goiás. Os interessados em participar deste certame (PMGO) devem atentar para o início das inscrições, que se dará somente a partir do dia 30 de outubro de 2012.

MARANHÃO
No Maranhão o edital está prevendo oportunidades tanto para a Polícia Militar quanto para o Corpo de Bombeiros, num total de 2.150 vagas e salário inicial de R$ 2.240,00.
As inscrições vão até o dia 6 de novembro de 2012, pelo site http://www.fgv.br.
Já o concurso da Polícia Civil maranhense oferece 229 vagas de níveis médio e superior, com salários variados entre R$ 1.714,31 e R$ 12.029,87.
As chances são para Delegado, Auxiliar de Perícia Médica Legal, Escrivão de Polícia, Farmacêutico Legista, Investigador de Polícia e Médico. O prazo e a página eletrônica de inscrições são os mesmos informados para o certame da PM.

SANTA CATARINA
Em Santa Catarina, a Polícia Militar abriu processo seletivo para o provimento de 58 vagas de nível superior, em caráter temporário, com inscrições abertas de 29 de outubro a 05 de novembro de 2012.
As inscrições poderão ser feitas até 13 de novembro, por meio do site do organizador do concurso, o Instituto Nosso Rumo – http://www.nossorumo.org.br

MINAS GERAIS
Em Minas Gerais prossegue aberto o concurso para o quadro da Secretaria de Estado de Defesa Social – SEDS e as inscrições terminam dia 30 de outubro. A oferta é de 3.410 vagas no cargo de Agente de Segurança Penitenciário, cuja remuneração será de R$ 1.954,67 e o preço das inscrições é R$ 50,00.
Há também 95 vagas na Polícia Militar de Minas Gerais, todas direcionadas para o Curso de Formação de Oficiais de nível superior. A remuneração básica inicial vai de R$ 3.358,88 a R$ 6.890,22 e as inscrições, no valor de R$ 108,94, serão feitas através do site http://www.pmmg.mg.gov.br/crs, somente a partir de 05 de dezembro de 2012.

RORAIMA
A Polícia Militar de Roraima lançou na terça-feira (23/10) o edital de concurso público para 300 vagas de Soldados PM. O candidato ingressará no curso de formação na qualidade de Soldado PM 2ª Classe com bolsa-formação no valor de R$ 1.680,61. Após o término do curso, o aluno-soldado será promovido à graduação de Soldado PM 1ª Classe com salário bruto de R$ 2.433,67.
As inscrições serão realizadas de 29 de outubro a 4 de dezembro, somente no site da Universidade Estadual de Roraima (UERR), no link Concursos.

Marcio Gerente (Administrador da Saga)/Blog da Renata

Novo regulamento de uniformes da PMMT.

A edição do Boletim Geral Eletrônico do dia 19 de outubro de 2012, da Polícia Militar do Estado de Mato Grosso, já está disponível para leitura on line e download (http://dgp.pm.mt.gov.br/ssl/editalpdf.htm).

O destaque principal da edição é para o novo regulamento de uniformes da PMMT. O decreto que trata da mudança informa que o primeiro fardamento operacional será fornecido pela corporação. A publicação traz ilustrações sobre as principais modificações, basta acessar o Boletim Geral Eletrônico nº 645, de 19/10/2012.

1º Encontro Nacional de Ensino Superior e Pesquisa Policial Militar (Enesppm) encerra com sucesso em Mato Grosso (14 ESTADOS PARTICIPAM)

Foi realizado na manhã desta quinta-feira (18), no auditório do Hotel Fazenda Mato Grosso o encerramento do 1º Encontro Nacional de Ensino Superior e Pesquisa Policial Militar (Enesppm). No último dia de evento os participantes acompanharam a palestra sobre “A Importância da Pós-Graduação na formação do Profissional de Segurança Pública”, com as doutoras, Professora titular da Universidade Metodista de Piracicaba, Drª Graziela Oste Graziano, com  doutorado em Administração pela Universidade Nove de Julho e com a professora titular do Instituto Educacional Piracicabano Drª Valéria Rueda Elias Spers com Doutorado em Ciências Sociais pela Pontifícia Universidade Católica – PUC de São Paulo.

O 1º Enesppm teve duração de quatro dias de programação, que começou na segunda-feira (15), e contou com temas de ensino superior militar colocados em pauta, eixos relacionados à doutrina na formação, as diretrizes de ensino superior policial militar, gestão acadêmica, e outros não menos importantes, com o transcorrer de palestras, houve também exposição de trabalhos e discussões. Participaram além da PMMT, polícias militares de Pernambuco, Distrito Federal, Amazonas, Paraná, Rio de Janeiro, Tocantins, Minas Gerais, Goiás, Paraíba, Alagoas, Maranhão, Pará, Santa Catarina, Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina e Brigada Militar do Rio Grande do Sul.

O encontro buscou  ainda o respeito pelo acesso à particularidade de cada Academia de Polícia Militar do Brasil, a valorização do corpo docente das escolas de formação de oficiais, a busca de contribuições de pesquisas, bem como o discutir os parâmetros e perspectivas do ensino superior policial militar, estimulando as escolas militares a buscar e desenvolver alternativas aos atuais processos de formação frente às demandas pós-modernas.

O comandante da Academia Senador Armando Melo, coronel da Polícia Militar de Alagoas Paulo Sérgio França Lopes, o encontro foi uma iniciativa muito importante para a educação militar, houve discussões de cunhos abrangentes, e elogiou o excelente nível de receptividade para as co-irmãs. “Era um tema recorrente do cotidiano policial, onde com o 1º Enesppm, foi possível debater e discutir o melhor para a PM. A organização está de parabéns, dignos de excelentes notas, as corporações foram bem recebidas e receberam todo apoio necessário para colocar em prática os temas em pautas”, disse ele.

A drª Graziela agradeceu o convite, e espera que os temas abordados não deixem de ser discutidos. “Esperamos que este conhecimento socialize e que possa ser passado adiante, que possa ser debatido mais vezes, como uma troca de valores e experiências, foi maravilhoso eu poder ter participado deste grande encontro”.

A doutora Valéria disse que sai do encontro conhecendo melhor a polícia, e que os temas discutidos nesses quatro dias, devem ser levados as universidades e outros meios para que a população também possa conhecer melhor a PM. “Agradeço o convite, pois o encontro gera conhecimento não só para a polícia como para a sociedade, temos que tirar essa imagem de truculência da PM, e mostrar que atrás da farda tem um humano como qualquer outra pessoa, e que as discussões devem ser levadas adiantes a fim de aproximar sociedade e polícia e consequentemente tendo uma interação no âmbito educacional militar”, enfatizou Valéria.

O coronel da reserva Almir Baliero,mediador do debate realizado hoje pela manhã, destacou o papel da sociedade também, sobre a responsabilidade de cada um. “O trabalho de cada um é importante, antes de falarmos sobre a instituição devemos saber o que estamos fazendo para mudar a realidade, a responsabilidade é de cada um. Parabéns pelo evento e estou disposto sempre a participar de discussões que visam o bem geral da sociedade”, ponderou o coronel.

Em sua fala o diretor da DEIP, responsável pelo evento coronel Valdivino Tavares Pimentel, agradeceu a participação de todos, e que esta muito feliz com o resultado alcançado neste primeiro encontro. “Agradeço a oportunidade que nos foi dada, esse  é um momento de agradecimento a toda equipe, delegações, participantes, policiais, enfim agradecer a todos por fazer do encontro um marco para a história da Polícia não só da PMMT mas como das co-irmãs que estiveram presentes com uma efusiva participação com novas ideias a fim de melhorar e ser preparada cada dia mais, a fim de dar uma resposta muito mais eficiente a população”, finalizou o coronel Valdivino.

Assessoria / PM-MT

ESTÁ PREPARADO PARA UMA ABORDAGEM POLICIAL DE TRÂNSITO. Confira as orientações importantes.

Devido à onda de violência que assusta os moradores a segurança foi reforçada com o aumento de policiais no efetivo. Diante desta realidade, os cidadãos precisam estar preparados para serem  abordados no trânsito.

Confira algumas orientações da Polícia Militar de como agir:

1. Diminua a velocidade e mantenha a tranqüilidade ao se aproximar de um bloqueio policial

2. Atenda prontamente aos sinais e orientações do policial.

3. Sempre respeite o bloqueio policial, pois a ação policial é a sua segurança e a fuga do bloqueio pode ser mal interpretada e gerar graves conseqüências.

4. Ao parar o veículo, permaneça sentado e aguarde orientações. Se for à noite, acenda as luzes internas do veículo. Só saia do veículo mediante instruções do policial, mantendo as mãos sempre visíveis e sem quaisquer objetos.

5. Não se preocupe com documentos, pois serão solicitados oportunamente. Quando houver duas ou mais pessoas no interior do veículo, elas devem aguardar orientações para sair, mantendo as mãos sempre visíveis.

6. Na abordagem, não se precipite em tirar do bolso à carteira de identidade. Aguarde orientação do policial. Caso esteja portando arma legalmente ou não, comunique ao policial na primeira oportunidade.

7. Não admita abusos ou maus tratos. Denuncie-os à Corregedoria da Polícia

As informações são do Especialista em Segurança Pública Jorge Lordella e da Polícia Militar

Projeto quer facilitar renovação de porte de arma de fogo.

 

O proprietário de arma de fogo será dispensado de apresentar comprovação de capacidade técnica e de aptidão psicológica

A Câmara dos Deputados analisa um projeto de lei do deputado Edio Lopes (PMDB-RR), que amplia de 3 para 5 anos a validade do certificado de registro de arma de fogo. Além disso, a proposta quer reduzir as exigências para a renovação do porte de arma.
Pelo texto, para o certificado de registro, o proprietário de arma de fogo será dispensado de apresentar comprovação de capacidade técnica e de aptidão psicológica para o manuseio do artefato, exigido atualmente tanto no licenciamento quanto na renovação. No lugar desse documento, o projeto prevê a entrega de teste de acuidade visual, que passará a fazer parte também dos requisitos exigidos no processo de registro.

Edio Lopes afirma que, à época da elaboração do Estatuto do Desarmamento, em 2003, considerou-se que elevar o custo e aumentar a burocracia para a obtenção do registro de arma estimularia as pessoas a desistir de seus armamentos. Passados alguns anos, verifica-se que essa estratégia não vem funcionando.

Tramitação

A proposta será analisada de forma conclusiva pelas comissões de Segurança Pública e Combate ao Crime Organizado; e de Constituição e Justiça e de Cidadania. O número do projeto de lei é o Projeto de Lei 4444/12.

1º soldado da PMMT a fazer doutorado em Mato Grosso lança livro.

O soldado da Polícia Militar Laudicerio Aguiar Machado vai lançar nesta segunda (15), às 20h30, no Hotel Fazenda Mato Grosso, o livro “O papel do administrador Hospitalar na Segurança Pública”, produzido em co-autoria com a orientadora Valéria Rueda Spers. O trabalho é resultado da dissertação de mestrado concluído este ano, na Universidade Metodista de Piracicaba (Unimep).
O policial estudou sobre a estrutura dos hospitais de segurança pública no Centro-Oeste. Ele viu que os administradores desses lugares eram policiais formados em odontologia, direito, medicina ou administração. Com esse resultado em mãos, o PM deu continuidade ao projeto no doutorado, que já começou na mesma universidade.
Agora ele faz um mapeamento das necessidades ligadas à saúde desses profissionais em todo o Estado, pois há regiões em que os problemas são as doenças tropicais, enquanto que em outros, como Cuiabá, trata-se da violência urbana. Laudicerio quer também, no mesmo trabalho, buscar formas de unir o atendimento daqueles que compõem a segurança pública: Polícia Civil, Polícia Militar, Corpo de Bombeiro e Polícia Técnica.
Atualmente, cada um tem sua estrutura. “Queremos concentrar isso numa só”, explica. Ele revela que, segundo estudo que teria sido realizado pela Fiocruz, um policial tem 7 vezes mais chances de morrer que qualquer outro trabalhador. A categoria sofre com problemas físicos, mentais e emocionais. Isso não significa que o projeto será colocado em prática em Mato Grosso. “Meu papel é como pesquisador. Vou entregar o levantamento para a Sesp”.
Para fazer o mestrado e agora o doutorado, Laudicerio precisou da permissão da secretaria de Segurança Pública. O mais curioso é que, mesmo com tanto empenho para ajudar a instituição, ele não recebe nenhum real a mais no salário no fim das contas, devido à estrutura interna da Instituição militar. “se eu ficar em casa ou estudando o tempo vai passar do mesmo jeito. Pelo menos estou fazendo algo que vai ser bom para mim”, justifica o PM ao ser questionado sobre o que lhe motivava a estudar tanto mesmo sem retorno na carreira.
Laudicerio é o primeiro soldado em Mato Grosso a fazer doutorado. De origem humilde, o policial já cuidou de carro, carregou compras na feira do Verdão e foi office-boy. Seu primeiro curso superior foi em Administração Hospitalar. Já fez especialização em Docência e em Auditoria em Sistema de Saúde. Entrou no mestrado em 2011 e agora está no doutorado. Ele ressalta ainda que está no 8º semestre de direito, que trancou até concluir o doutorado. Laudicerio não pensa em largar a carreira militar e mostra um largo sorriso no rosto ao contar sobre o que faz.
(Autor: Valérya Próspero/RDNEWS – Fonte: O NORTÃO).

 

Acredite nos seus sonhos.

“Não podemos fazer muito em relação à extensão da nossa vida, mas podemos fazer o suficiente em relação à sua largura e profundidade.” Evan Esar

Largura e profundidade nesta vida não surge de maneira casual. É necessário disciplina, planejamento e dedicação. Para que uma nova postura possa ser assumida é absolutamente necessário um divórcio com a rotina diária; é necessário uma volta à fonte.

Restabeleça, portanto, um contato com os seus sonhos e suas preciosas expectativas nesta vida. Gaste um tempo de qualidade com os seus sonhos. Eles são reais à medida que você os valoriza. À medida ainda que com eles você venha a se comprometer e neles trabalhar, as possibilidades de concretização aumentam consideravelmente.

O seu envolvimento natural com as lutas e dificuldades da vida demanda toda a sua atenção e nesse envolvimento os seus mais profundos anseios podem se enterrar quando eles deixam de ver a luz do dia.

Portanto faça o compromisso de constantemente “desenterrá-los” de colocá-los diante de Deus, diante Daquele que absolutamente não tem nenhuma limitação para transformar possibilidades em realidades.

Quando você suficientemente mantém os seus sonhos vivos e vibrantes a fim de alcançá-los, com toda certeza eles se transformarão numa gratificante realidade.

Autor: Nélio da Silva

(Fonte: Blog do Coronel Camilo)

Parabéns aos Policiais Militares eleitos em MT.

Conheça os novos vereadores oriundos da Polícia Militar-MT

Parabéns Vereador

Coronel Barbosa – Barra do Garças

Parabéns Vereador

Sgt PM Moraes – Bransnorte

 

Parabéns Vereador

Cb PM Amarantes – Mirassol D` Oeste

Parabéns Vereador

Sgt PM Lobo – Nortelandia

Parabéns Vereador

Sgt PM Fadel – Salto do Céu

Parabéns Vereador

Coronel Taborelli – Várzea Grande

Parabéns Vereador

Sgt Hilton Gusmão – Várzea Grande

Queremos também parabenizar a Dona Antonia Parreira vereadora de Pontal do Araguaia.

Fonte: Assoade – MT