O ministro do STF (Supremo Tribunal Federal), Gilmar Mendes, afirma que é preciso ter medidas adequadas em manifestações e que a polícia não pode ser desautorizada.

O ministro do STF (Supremo Tribunal Federal), Gilmar Mendes, afirma que é preciso ter medidas adequadas em manifestações e que a polícia não pode ser desautorizada.

A declaração foi feita em entrevista exclusiva ao jornalista Kennedy Alencar, no programa “É Notícia”, que foi exibido na madrugada de domingo (28) para segunda, à 0h30.

O ministro comentou as manifestações nas ruas do Brasil e o papel da polícia nesses protestos. “A reunião a céu aberto causa problema, em relação às pessoas que estão passando, todas as manifestações que acontecem nas ruas. Problema de transporte de doentes. Então, eu tenho a impressão que nós vamos ter que discutir isso com seriedade e definir claramente onde se pode, onde não pode fazer e ter a compreensão de todos os lados”.

>>> Veja trecho da entrevista com o ministro Gilmar Mendes

Mendes ressaltou que o bloqueio de estradas ou ruas não é razoável e que o vandalismo deve ser enfrentado por polícia e Justiça. “Não é possível que alguém decida parar a avenida Paulista a qualquer momento e que nós digamos que isso é Constitucional. É preciso que nós tenhamos cuidado com isso e acho que nós vamos ter que regular. A parte dessa questão que é chave. Eu falava ontem com um professor alemão e ele disse que na Alemanha existem Leis a respeito das manifestações, uma vez que a matéria passou para os estados. Então, eles fizeram modelos, padrões, etc. Agora, outra coisa é a questão do ataque, do vandalismo. Tem que haver um posicionamento muito claro da polícia e da Justiça. É crime mesmo”.

Para Gilmar Mendes, a polícia não está preparada para atuar em manifestações. “Eu tenho a impressão que a polícia tem uma série de déficits, mas precisamos reconhecer que não é uma atividade fácil. Existe tecnologia, investimentos. Em suma, nós precisamos ter medidas adequadas e a polícia não pode ser desautorizada. Estamos chamando a atenção para um problema na polícia do dia-a-dia”.

O QUE VOCÊ ACHA? COMENTE E COMPARTILHE.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s