GREVE: Agentes prisionais de MT denunciam ameaças e clima de insatisfação.

As 66 unidades prisionais do Estado estão atuando com 30% do efetivo de agentes nesta terça-feira (30), conforme decisão da categoria em assembleia na noite de segunda-feira (29).

Otmar de Oliveira

Conforme determinação judicial, 70% do efetivo deveria trabalhar durante o período da paralisação, o que não está sendo acatado, pois segundo os agentes, ato fere a Constituição Federal, que dá o direito à greve.

Segundo o presidente do Sindicato dos Servidores Penitenciários do Estado (Sindspen/MT), João Batista, categoria está sofrendo ameaças, principalmente por parte da Secretaria de Estado de Justiça e Direitos Humanos (Sejudh).

No sábado (27), a Sejudh enviou nota informando que “sanções aos servidores que continuarem descumprindo a decisão judicial, em especial os servidores em estágio probatório, poderão ser inclusive exonerados”.

Conforme Batista, esse embate tem sido crucial para a insatisfação da categoria.

Titular da pasta Luiz Antônio Pôssas de Carvalho deve conceder entrevista no final da manhã desta terça-feira (30) para falar sobre a greve e novas medidas a serem tomadas.

Greve

Em abril deste ano, categoria permaneceu 15 dias em greve. Conforme os agentes, a greve foi deflagrada devido ao descumprimento de dissídio coletivo firmado com o governo do Estado para encerramento da primeira greve.

Categoria chegou a se reunir com secretário de Administração, Francisco Faiad, mas não aceitaram proposta de reajuste salarial de 5% para 2014 e 5% para 2015.

Fonte: Gazeta Digital

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s