Policiais do Gefron lamentam a morte de mascote.

Bradock atuava como cão de guarda no batalhão do Gefron-MT (Foto: Divulgação/Sesp-MT)

 cão farejador e “mascote” do Grupo Especial de Fronteira (Gefron), Bradock foi  sacrificado neste sábado (21), após os rins do animal paralisar devido a complicações de saúde.

Bradock acompanhou os policiais do Gefron por 10 anos. Ele atuava em operações e com seu faro ajudava a localizar drogas na faixa de fronteira do Brasil com a Bolívia. Várias apreensões de entorpecentes foram realizadas graças ao ‘faro’ do cachorro.

O Grupo de Fronteira lamentou a morte do  mascote e uma homenagem a ele foi realizada.

” Com muita tristeza todos nós que fazemos parte do Grupo Especial de Segurança de Fronteira e Canil Integrado de Fronteira. Ele nós acompanhou em diversos desfiles, treinamentos, e nos tirando da solidão, fazendo companhia a cada um de nós quando de serviço, nos dando carinho e sempre esperando alguém para alisá-lo terá que nos deixar devido seus rins terem paralisado as funções. Para nós sempre foi mais que um cão de guarda, e agora que seus olhos se fecharam para sempre fica o luto na alma de cada um de nós! Descanse em paz! Sentiremos muito a sua falta e principalmente agora será muito triste chegar ao Canilfron e não te ver!!!”, diz trecho da homenagem.

O animal ficou bastante famoso nas redes sociais após o Gefron divulgar fotos dele com óculos escuros e carregando uma arma de brinquedo em sua coleira.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s