Ministro da Defesa diz que vai poupar militares da Reforma da Previdência, mas não é bem assim…

O ministro da Defesa, Raul Jungmann, disse em reunião da Comissão de Relações Exteriores e de Defesa Nacional que os militares ficarão de fora do projeto de reforma da Previdência Social levado a cabo pela Presidência da República. Os jornais noticiaram o assunto fartamente. No entanto, faltou informar que o ministro se referia exclusivamente aos militares federais – aqueles das três Forças Armadas. Não se referiu aos militares auxiliares estaduais – policiais e bombeiros.

O próprio ministro, em notícia publicada no portal G1, fez questão de diferenciar os militares federais e estaduais. Disse ele quando questionado sobre o uso das Forças Armadas em protestos: “As forças armadas não são treinadas, preparadas e equipadas para o combate policial.”

“É interessante como agora as Forças Armadas e o Ministério da Defesa fazem questão de nos colocar somente como policiais e não como policiais ou momberiso militares. Temos todos os deveres atinentes às Forças Armadas, assim como temos todas as vedações, como por exemplo restrições à direitos sociais, trabalhistas e até de cidadania, entre outros deveres/obrigações típicas da condição de policiais e de militares. Os nossos 30 anos de serviço, em função do cumprimento de escalas, do desgaste físico e psicológico, correspondem a, em média, 40 anos de serviço ou até mais, diferente, portanto, de um trabalhador civil. Outra questão importante é que não nos aposentamos, mas sim vamos para a reserva remunerada, ou seja, permanecemos vinculados à Policia ou ao Bombeiro, sujeitos, inclusive aos regulamentos e aos códigos militares. O termo privilégio, utilizado por muitos ‘formadores de opinião’, é injusto e dotado até de certa ma-fé, até porque nós policiais e bombeiros miltares, além de desempenharmos uma função diferenciada enquanto profissional de segurança pública, também somos militares, ou seja, temos dupla função e missão, por assim dizer. Sacrificamos nossas vidas em nome da sociedade, temos dedicação exclusiva à profissão, estamos permanentemente à disposição do Estado e do País e querem nos tirar os parcos direitos que ainda nos restam? Não podemos aceitar a mudança nas regras de nossa reserva remunerada, sob hipótese alguma. Assim como não podemos aceitar que fiquemos apenas com o ônus de ser militar. Fica claro que as Forças Armadas estão querendo, agora, se livrar de nós, se distanciar dos PMs e BMs naquilo que poderia lhes atingir, que é a reforma da previdência, por exemplo, mas ao mesmo tempo, naquilo que lhes convém, que é manter o controle sobre nós, eles não querem largar. Nossa profissão é diferenciada, morremos mais, adoecemos mais, nos desgastamos mais, lidamos com aquilo que a sociedade joga para baixo do tapete, por assim dizer, e para além disso, temos que arcar com o ônus do modelo militar, não aceitaremos isso calados e, inclusive tive a oportunidade de dizer isso a todos os comandantes gerais das PMs e dos BMs recentemente”, disse o presidente da Associação Nacional de Praças (Anaspra).

Ainda durante a audiência, conforme noticiou a Agência Câmara, o comandante do Exército disse que os militares sabem que terão que contribuir para a estabilidade do sistema. Mas o general Villas Bôas afirmou que as regras não podem ser as mesmas dos servidores civis porque as características do trabalho são diferentes.

Por outro lado, a imprensa também divulgou os resultados da reunião entre o Governo Federal e Estados sobre um suposto”pacto nacional” pelo “equilíbrio” das contas públicas. No acordo, ficaram definidas as medidas que as unidades da federação deverão tomar para ter acesso à recursos extras. Entre as medidas, aprovar, em âmbito estadual, projetos que cria um teto para o aumento dos gastos públicos e reformas para a previdência estadual.

“É preciso lembrar militares federais e estaduais são diferentes. Enquanto a previdência daqueles é regida pela União, e são estes que o ministro falou que vão ficar de fora, os policias e bombeiros estão atrelados aos governos estaduais. Em resumo, essa afirmação não se refere a nós, policias e bombeiros, e a experiência até agora é que as reformas nas previdências nos Estados estão incluindo os PMs e BMs”, explica Lotin.

Fonte: http://www.anaspra.org.br/index.php/noticias/representatividade/item/226-ministro-da-justica-diz-que-vai-poupar-militares-da-reforma-da-previdencia-mas-nao-e-bem-assim

CORPO DE BOMBEIROS MILITAR DE MATO GROSSO PROMOVE 68 OFICIAIS.

Foi publicado no diário oficial do dia 30 de novembro de 2016 a promoção de 68 (sessenta e oito) Oficiais do Corpo de Bombeiros Militar de Mato Grosso e dessas promoções se destacam de 08 Aspirantes que foram alçados ao posto de Segundo Tenente e de 47 alunos do Curso de Habilitação de Oficiais Administrativos que concluíram com mérito o curso e foram alçados ao posto de Segundo Tenente.

As promoções serão efetivadas no dia 02 de dezembro, data em que se comemora o dia do Patrono dos Corpos de Bombeiros Brasil, Dom Pedro II.

A Associação dos Oficiais neste momento de alegria se confraterniza com os promovidos, pois de alguma forma ajudamos a abrir caminho para que os profissionais tanto da PM quanto do Bombeiro tivessem condições de ascender profissionalmente. Por fim, parabenizamos os promovidos e desejamos muito sucesso no novo posto.

Veja a lista completa dos promovidos.

AO POSTO DE TENENTE-CORONEL

1.      MAJ QCOBM FLORISVALDO LEITE DE OLIVEIRA

2.      MAJ QCOBM SÉRGIO MARTINS MACEDO

AO POSTO DE MAJOR

3.      CAP QOBM MÁRIO HENRIQUE FARO FERREIRA

4.      CAP QOBM MARCO AURÉLIO AIRES DA SILVA

5.      CAP QOBM ANTONIO MARCO GUIMARÃES

6.      CAP QOBM PRYSCILLA JORGE MACHADO DE SOUZA

7.      CAP QOBM FERNANDO DUARTE SANTANA

8.      CAP QOBM LUÍS CLÁUDIO PEREIRA DA CRUZ

9.      CAP QCOBM MAURICIO FERREIRA DA CRUZ

AO POSTO DE CAPITÃO

10. 1º Ten BM WALLENSTEIN MAIA SANTANA

11. 1º Ten BM EMERSON HENRIQUE DOS ANJOS ACENDINO

12. 1º Ten BM ALEX QUEIROZ DA SILVA

13. 1º Ten BM KARINA MATOS DE OLIVEIRA

AO POSTO DE SEGUNDO TENENTE

14. Asp Of BM WELLINGTON FRAGA PEDROZO

15. Asp Of BM KEZIA GRAZIELI VILHALVA RUFINO DA SILVA

16. Asp Of BM THALES EMMANUEL DA SILVA PEREIRA

17. Asp Of BM CRISTHIAN LORHAN FERREIRA BORGES

18. Asp Of BM WELLINTON CORREIA DE MELLO

19. Asp Of BM ISAAC WIHBY

20. Asp Of BM LEONARDO CUIABANO KUNZE

21. Asp Of BM WOLF TARIK SOUZA GOMES

22. AL CHOA BM JAMIL NOBRES DA SILVA

23. AL CHOA BM MARCEL BUENO SANTANA

24. AL CHOA BM JAIR DE PAULA FELISBINO

25. AL CHOA BM HUDSON COSTA BARBOZA

26. AL CHOA BM ALTAIR TEROLTI

27. AL CHOA BM CREISON DO NASCIMENTO SILVA

28. AL CHOA BM JOSÉ DE BARROS FILHO

29. AL CHOA BM ANTÔNIO CARLOS DE SOUZA

30. AL CHOA BM SALVADOR MACIEL DE CAMPOS

31. AL CHOA BM AMAURÍCIO DA CUNHA SOUZA

32. AL CHOA BM MARCOS CÉLIO DE SOUSA

33. AL CHOA BM VALMIR ESTEVÃO RAMPIM

34. AL CHOA BM MANOEL JORLANDE COSTA DE ASSIS

35. AL CHOA BM MARCELO RODRIGUES DE CERQUEIRA

36. AL CHOA BM EDUARDO FERNANDES BUENO

37. AL CHOA BM LUCIANO ALMEIDA DE OLIVEIRA

38. AL CHOA BM FLORISVALDO JOSÉ DE SANTANA

39. AL CHOA BM CLEBERSON NOGUEIRA DA SILVA

40. AL CHOA BM GONÇALO DE PINHO SAAB FILHO

41. AL CHOA BM ADAIR CEVADA DE MORAES

42. AL CHOA BM NÉLIO GUSMÃO RODRIGUES DE MIRANDA

43. AL CHOA BM EVALDO DOMINGOS DE AMORIM

44. AL CHOA BM GEORGE DOS SANTOS DA SOLIDADE

45. AL CHOA BM NAELSON JOSÉ KLEIN

46. AL CHOA BM EDILSON MARCELO DE MORAES

47. AL CHOA BM MOACIR GONÇALVES BARBOSA

48. AL CHOA BM OSMAR MARQUES DA SILVA

49. AL CHOA BM WALDEIR RODRIGUES DE OLIVEIRA

50. AL CHOA BM ANTONIO CLARO

51. AL CHOA BM CLÁUDIO LINO DA HORA

52. AL CHOA BM MARCOS ANTONIO PEREIRA DE SÁ

53. AL CHOA BM CARLOS ALBERTO BAPTISTA DA SILVA

54. AL CHOA BM EDNALDO FERREIRA DA SILVA

55. AL CHOA BM MANOEL FERREIRA DE OLIVEIRA

56. AL CHOA BM MAURO LUIS DE SOUZA

57. AL CHOA BM FRANK MARCELINO DA COSTA

58. AL CHOA BM MARCONI CARVALHO RIBEIRO

59. AL CHOA BM ANDRÉ JASNICK CARDOSO DE ALBUS

60. AL CHOA BM ADILSON DE ARRUDA

61. AL CHOA BM GEOVÁ SEBASTIÃO SOARES

62. AL CHOA BM JOSÉ MÁRCIO LEITE DA COSTA

63. AL CHOA BM MÁRCIO MEIRA SANTOS

64. AL CHOA BM ADILSON MARTINS DA SILVA

65. AL CHOA BM ONÉZIMO DELFINO DA COSTA

66. AL CHOA BM ROBSON GIMENES ESTEVES

67. AL CHOA BM ANTONIO ROBERTO DE SOUZA

68. AL CHOA BM GIULIANO ALMEIDA FERRAZ

Data: 01/12/2016
Fonte: Diretoria de Comunicação Social